Plantão
Sul de Minas

Serra da Mantiqueira é destino de férias para relaxar ou se aventurar

Publicado dia 25/01/2020 às 13h55min | Atualizado dia 25/01/2020 às 13h59min
Cidades do Sul do estado estão preparadas para receber visitantes, com roteiros culturais, gastronômicos, rurais e de ecoaventura

Uma região montanhosa de muitas belezas naturais, temperaturas agradáveis, águas medicinais, além de grande exportadora da agricultura brasileira. O cenário é a Serra da Mantiqueira, que possui 60% de sua extensão no Sul de Minas Gerais.

 

A serra tem atraído cada vez mais a atenção dos turistas e o incentivo de governos. Prova disso foi o lançamento, no último mês de dezembro, do Destino Mantiqueira, projeto que visa fortalecer os circuitos turísticos e culturais da serra nos três estados que a integram: Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro. A iniciativa busca fortalecer os atrativos turísticos e culturais e valorizar os produtos e roteiros regionais, fomentando parcerias e valorizando o turismo de experiência nas mais de 100 cidades que integram sua extensão.

 

Ao se falar em férias no Sul de Minas, muitos se lembram, por exemplo, das cidades do Circuito das Águas, com estâncias minerais, fontes e balneários terapêuticos. Além desses atrativos, os municípios mineiros pertencentes à Serra da Mantiqueira têm grande variedade de atrações para famílias, grupos de amigos e casais no período de férias. As atividades vão desde uma visita à fazenda de café especial a um voo, passando por inúmeras trilhas e cachoeiras nas montanhas.

 

A superintendente de Marketing Turístico da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Secult), Fernanda Fonseca, salienta a riqueza e a diversidade da região, que vem se destacando no turismo gastronômico. São possibilidades de vivências em cafezais, queijarias e plantações de oliveiras, além da natureza que propicia prática de esportes e contemplação. “Os roteiros aguçam os nossos sentidos e emoções, transformando a viagem em uma experiência sensorial inesquecível”, afirma.

 

Rota do Café Especial

 

O turismo cafeeiro tem registrado grande procura nos últimos tempos. O município de Carmo de Minas, a 378 quilômetros de Belo Horizonte, promove a Rota do Café Especial – um passeio em meio a lavouras de café das grandes fazendas da região que termina em uma típica mesa mineira com quitutes e a famosa bebida das xícaras brasileiras. Os apaixonados por café devem incluir no roteiro de viagem uma visita às fazendas do Sertão, Serrado e IP. Devido à localização em alta altitude, elas cultivam e exportam grãos especiais de café: Bourbon amarelo, Bourbon vermelho, Mundo Novo, Catuaí Vermelho e Amarelo, Acaiá e Icatu.

 

Circuito do Azeite

 

Outra experiência gastronômica irresistível na Mantiqueira é a degustação de azeites extravirgens. Trabalhos realizados pela Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) fizeram da região a pioneira na extração deste tipo de azeite no país. Os produtores de oliveiras locais oferecem aos visitantes produtos de alta qualidade e sabores suaves, frutados, amargos e picantes, completamente diferentes de outras regiões brasileiras.

 

Para os interessados em conhecer os olivais e o processo produtivo do azeite, há circuitos de visitas guiadas em algumas cidades do Sul do estado. São elas: Gonçalves, Poços de Caldas e Maria da Fé, esta última conhecida nacionalmente como a Cidade das Oliveiras.

 

Balonismo

 

Os relevos das montanhas da Serra da Mantiqueira são um show à parte. Agora, imagine poder apreciar de longe a mistura de cores dos vales tomados por plantações de frutos variados. Outra atração da região que permite apreciar esse panorama é o circuito do balonismo. Uma experiência única de fazer um passeio pelos ares da serra, viajando em um balão. Além da paisagem serrana, a vista privilegiada do nascer do sol conquista os turistas.

 

Os passeios têm total segurança: são organizados pela Federação de Balonismo de Minas Gerais e duram cerca de uma hora. A partida para essa aventura é da cidade de São Lourenço, 386 quilômetros ao Sul da capital mineira.

 

Circuito das Terras Altas

 

Aventureiros que preferem manter os pés no chão têm muitas opções na Serra da Mantiqueira. A região possui cidades onde são encontrados alguns dos mais altos picos do país e os maiores complexos ecológicos de Minas e do Brasil. Em Passa Quatro, o Pico da Pedra da Mina fica a 2.797 metros de altitude; em Itamonte está localizada a Pedra do Sino de Itatiaia, a 2.670 metros de altitude, e na cidade de Aiuruoca se encontra o Pico do Papagaio, a 2.100 metros de altitude. Até o topo, o viajante desfruta de um cenário exuberante em meio à floresta tropical da Mata Atlântica com bosques de araucária entrecortados por lindas cachoeiras. Daí o nome Serra da Mantiqueira, que em tupi-guarani significa “serra que chora”.

 

O Circuito das Terras Altas em Minas Gerais oferece, ainda, práticas de canoagem, bóia-cross, rapel, escalada, tirolesa, trilhas de moto, jipe ou bike e caminhadas. Com temperaturas entre 4 °C negativos e 27 °C positivos, é o lugar perfeito também para o descanso, o aconchego, o queijo e o vinho.

Fonte: Agência Minas

ÚLTIMAS Notícias

Fale Conosco

Avenida Dr. Getúlio Vargas, 1240/01 São Lourenço / MG
(35) 9883-84631 | |
portalpotencia@gmail.com